domingo, 3 de julho de 2016

Tudo bem?

Francisco Muniz



Então pergunto, ao pessoal da Casa Espírita:
- Vocês estão bem?
A resposta vem positiva: "Sim!"
Estimulado, volto a inquirir:
- E está tudo bem com vocês?
Novamente a confirmação: "Sim!"
É o momento de expor minha curiosidade:
- Por quê?
Sim, por qual razão nos sentimos bem e percebemos que tudo está bem conosco?
Notemos que faço duas perguntas distintas, embora muito semelhantes, posto que podemos nos sentir bem mesmo quando tudo em volta parece desmoronar.
Mas em geral as pessoas não sabem responder a esse por quê e então recordo de um mantra aproveitado por Arthur Riedel e colocado em seu livro "Hei de Vencer": "Todos os dias, sob todos os aspectos, sinto-me cada vez melhor."
Assim, quanto repito as perguntas iniciais, todos já sabem o que responder e citam o mantra, o que me deixa à vontade para interrogá-los:
- Por quê?
Novo silêncio se faz e digo que não temos motivo algum para nos sentir mal, nem ver que as coisas em volta estão desmoronando, porque estamos amparados por Deus a todo momento, recebendo continuamente Suas bênçãos - e a resposta a esse por quê passa a ser um outro mantra aprendido na Casa Espírita:
- O poder de Deus flui sobre mim!
É preciso não só compreender essa verdade, mas estarmos convencidos dela, porquanto somos filhos bem-amados do Pai Criador que nos oferece a todo instante os recursos de que nos devemos servir para socorrer misericordiosamente o próximo e assim sentirmo-nos em completo bem-estar.
"O que você quer para si mesmo faça-o primeiramente ao próximo" - ensinou-nos o Cristo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Abra sua alma!