terça-feira, 30 de dezembro de 2014

Como a ti mesmo...

Irmã Rafaela



Abençoa teus pés trilhando os caminhos da tua redenção, porque nem sempre os preferiste, embrenhando-te nos desvios da estrada segura até que por fim caíste nos despenhadeiros da loucura ignominiosa...
Abençoa tuas mãos dedicando-te aos trabalhos de doação, porquanto nem sempre realizaste o bem, preferindo ocupá-las nas obras de rapina, em detrimento da necessidade alheia...
Abençoa teus braços emprestando tua força ao soerguimento dos moralmente fracos, a despeito de no passado te comprazeres na tortura da muitos que te procuravam por confiança em teu amparo...
Abençoa tua cabeça dirigindo teus pensamentos e tuas ideias para ações que promovam a inteligência, desprezando as insinuações das mentes refratárias que coibem a livre manifstação dos pendores das almas em redor.
Abençao teus olhos, ouvidos e boca, controlando teus impulsos acostumados a denegrir, voltando-os agora à tarefa da paciente compreensão ante  aqueles que te deem causa às amarguras, posto que ontem foste capaz de ver o mal onde este não havia; de escutar as vozes do opróbrio despezando os bons conselhos; e emitir sentenças condenatórias quando podias decidir pela libertação de muitas mentes escravizadas ao erro, assim consolando muitos corações e pacificando tua consciência...
Abençoa, enfim, todo o teu corpo, recordando que é ele o templo de tua alma e perfeita criação do Pai misericordioso, que o conce a seus filhos bem amados para que estes se aperfeiçoem na senda evolutiva do Espírito imortal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Abra sua alma!