quinta-feira, 3 de maio de 2012

Esboço (1)

Francisco Muniz

Evangelho e reforma íntima

A necessidade de nos aprofundarmos no conhecimento e compreensão do Evangelho, para a imprescindível vivência de seus postulados, faz-nos perceber, graças ao estudo do Espiritismo, as duas dimensões do Cristo: a humana, corporificada na personalidade de Jesus, e a divina ou cósmica, que transcende os limites da matéria e vemos presente em nós mesmos e em diversos setores da vida prática. Por essa razão, tal aprofundamento fará com que penetremos com mais segurança nas questões referentes à nossa propalada reforma íntima, indo além da superficialidade dos conceitos, de todo modo belos e valiosos, mas ainda capazes de nos mostrar alguma dificuldade em nossas tentativas de transformação interior, por não entendermos a contento o que isso quer efetivamente dizer...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Abra sua alma!