domingo, 12 de fevereiro de 2012

Proteção

Francisco Muniz

Em agosto de 1998 uma explosão no interior de uma estrela a 20 mil anos-luz de distância da Terra liberou tanta energia que a radiação chegou até aqui. "Se tivesse sido mais perto, os oceanos teriam fervido e as montanhas se derreteriam", disse o astrofísico japonês Michio Kaku. 
A Humanidade, segundo cremos, ainda não terminou sua missão evolutiva na Terra, por isso está naturalmente protegida das ameaças que porventura pairem sobre ela e sobre o planeta. Tudo que venhamos a sofrer, como os desastres telúricos e as epidemias, virá sempre na medida de nossas forças, jamais como cargas insuportáveis, por uma razão bem simples: fugiria à justiça divina.
A Terra tem seus mecanismos de defesa contra os ataques provenientes do espaço, a exemplo das chuvas de meteoros: somente atingem o planeta aqueles que escapam da barreira lunar e mesmo assim são "dissolvidos" na atmosfera. Os raros meteoritos que logram atravessar esses obstáculos caem em zonas despovoadas, razão pela qual acreditamos que a proteção da Humanidade vem mesmo da Alta Espiritualidade.
Por outro lado, "tudo tem uma razão de ser e nada acontece sem a permissão de Deus", conforme nos esclarece Allan Kardec em O Livro dos Espíritos (questão 536).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Abra sua alma!